OLHEIRAS

As olheiras são uma queixa comum no consultório. Caracterizam-se pela concentração anormal de vasos sanguíneos ou melanina (pigmento marrom da pele) na pálpebra inferior, o que resulta em escurecimento da região infraocular.

 

Antes de pensar em um tratamento, é importante entender que na verdade, há várias causas para as olheiras. Podem ser: de origem genética, alergias (rinite, sinusite, bronquite, dermatite, "ites"), dano solar, estrutura óssea inadequada (pessoas que desde criança tem olheira, por exemplo), hábitos (como tabagismo e privação de sono). As olheiras são divididas basicamente em três tipos:

1) Olheiras vasculares:são as olheiras com cores mais azuladas, arroxeadas ou avermelhadas. Podem aparecer em pessoas com pele da pálpebra muito fina e clara, má circulação local e após privação de sono.

2) Olheira pigmentares: Manchas marrons nas pálpebras inferiores decorrentes da deposição de melanina neste local. É mais comum em pacientes de pele negra.

3) Olheiras profundas: é conhecido como “olho fundo”. A profundidade piora as olheiras pela sombra que causa. Ocorre em pacientes que tem menor estrutura malar e globo ocular fundo, ou em pacientes que perderam o preenchimento natural dessa área pelo envelhecimento ou perda de peso.

4) Olheiras mistas: tipo mais comum de olheira, tem dois ou mais componentes.

 

Quando as olheiras são persistentes, nunca melhoram e geram incômodo e desconforto, é indicado procurar um médico dermatologista para fazer uma avaliação e indicar o tratamento adequado.

Para decidir o tratamento é preciso avaliar corretamente o tipo de olheira. Normalmente é necessária associação de tratamentos, uma vez que na maioria das vezes as olheiras são mistas.

 

Olheiras pigmentadas: Estes casos são os que mais podem responder aos cremes com função clareadora. Podem ser necessários outros tipos de tratamento como peelings, lasers.

 

Sulcos profundos:. Melhor tratamento é o preenchimento com ácido hialurônico.

Rugas e flacidez: ocorre pelo dano solar e envelhecimento. Aqui o tratamento precisa ser mais profundo, para estimular colágeno, como uso de lasers, radiofrequência, peelings profundos, MMP®️ (microinfusão de medicamentos na pele).

Bolsas: decorrem do envelhecimento, por flacidez da musculatura que "segura" a gordura infrapalpebral. Muitos casos são cirúrgicos.

Olheiras Vasculares: causadas pela proximidade da pele aos vasos sanguíneos ou aumento de vasos nessa região. Nesses casos a Luz Intensa Pulsada e outros lasers são muito úteis.

olheiras texto
olheiras texto

press to zoom
olheiras texto 2
olheiras texto 2

press to zoom
olheiras texto
olheiras texto

press to zoom